Início » BLOG #AO5 » Novo algoritmo do Google: conheça a atualização e o que muda no seu site

Novo algoritmo do Google: conheça a atualização e o que muda no seu site

Autor: AO5 | Publicado em: 03 de abr 2019

De tempos em tempos, o Google altera o seu algoritmo de buscas e isso impacta diretamente no ranqueamento de sites. A mais recente atualização ocorreu em 12 de março de 2019 e foi batizada de “March 2019 Core Update”. Aliás, um fato interessante: a novidade foi anunciada via Twitter e pelo próprio porta-voz da empresa, Danny Sullivan.

Esta atualização do algoritmo do Google, segundo especialistas, pode promover mudanças profundas na classificação de sites em todo o mundo, visto que é um pouco diferente de outras que ocorrem normalmente.  Chamada de “atualização principal”, não busca corrigir falhas (como as atualizações comuns buscam), mas sim, ajustar ligeiramente a importância, pesos, ordem ou valores de itens que determinam a classificação de um site na busca.

 

Novo algoritmo do Google: o que realmente mudou?

Normalmente, o Google não se explica com clareza e objetividade sobre todas as mudanças impostas a partir de uma atualização. São sites especializados, técnicos experientes que escrevem em blogs e também fóruns de tecnologia que analisam criteriosamente as atualizações. E, neste momento, todos estes canais afirmam: ainda é muito cedo para verificar 100% das mudanças. O que mais encontramos na web sobre o assunto são comentários e especulações.

Por exemplo, o consultor Roger Montti publicou sobre um movimento incomum dos robôs responsáveis pelas indexações de páginas na internet, os famosos crawlers. “Não sei se há uma conexão entre a indexação agressiva e a atualização, mas foi interessante observar isso pouco antes da atualização”, escreveu Montti, para o Search Engine Journal.

Outro site, o Search Engine Land, também apontou um movimento curioso do Google. Precisamente, em sites com conteúdos de beleza e de saúde. Segundo a publicação, algumas páginas destes segmentos haviam melhorado seus posicionamentos após um ajuste feito pelo Google, em agosto de 2018 e, após a última atualização de março de 2019, perderam posições no ranking. Porém, logo em seguida, retomaram o crescimento e subiram novamente.

 

O que muda, de fato, para você?

O foco principal de qualquer atualização do Google é a experiência do usuário. Mudanças no algoritmo buscam aprimorar o mecanismo de busca para que este privilegie sites com conteúdos relevantes, com interfaces amigáveis e adequados a todos os perfis de usuários. Por isso, a dica de ouro após mais recente atualização do Google é: continue oferecendo conteúdo relevante a quem visita o seu site. Aliás, o próprio Google já divulgou textualmente esta dica. Em um post no Twitter, em agosto de 2018, publicou:

 

Como com qualquer atualização, alguns sites podem notar perdas ou ganhos. Informamos sobre elas porque a recomendação prática é que não há nada em particular para “consertar”. Não queremos que os proprietários de conteúdo tentem alterar erroneamente coisas que não são problemas. Sugerimos que você se concentre em garantir que esteja oferecendo o melhor conteúdo possível. É isso que nossos algoritmos buscam recompensar. Um bom ponto de partida é revisar nossas diretrizes de avaliação de qualidade de pesquisa”.

 

A mais recente atualização do algoritmo do Google irá alterar a ordem de importância dos fatores de ranqueamento, mas até a data de publicação deste post, não há consenso sobre o que realmente deve ser modificado em termos técnicos, como na programação do site, por exemplo.

Até que sejam esclarecidas todas as mudanças, não deixe de produzir conteúdo relevante em sua página na web.

Imagem: JHVEPhoto | iStock