Início » BLOG #AO5 » Entenda por que estruturar um funil de Inbound Marketing é essencial para as vendas

Entenda por que estruturar um funil de Inbound Marketing é essencial para as vendas

Autor: Agência Orange Five | Publicado em: 21 de ago 2020

Partindo do princípio de que o Inbound Marketing é uma estratégia que visa atrair clientes e direcioná-los durante a jornada de compra com conteúdo de qualidade, trata-se de uma alternativa bem interessante. Além de tudo, ela pode ser muito eficiente para educar esse cliente e entregar valor, fatores que conectam ainda mais a relação dele com a sua marca ou serviço. 

Inbound marketing – funil

Assim, compreender este processo e poder estruturá-lo com embasamento pode gerar um maior aproveitamento de todas as etapas do funil, que te levarão a vendas mais “certeiras”. Com isso, tempo, processos e estratégias são otimizados, bem como o seu desempenho. 

No Inbound Marketing, a publicidade para promover produtos, serviços e marcas pode se dar por meio de blogs corporativos, podcasts institucionais, vídeos no YouTube, envio de newsletter e muito mais. Na AO5 o planejamento estratégico da equipe apresenta diversas alternativas para que as empresas avaliem o que é mais viável e funcional retornar em suas marcas. Vamos saber um pouco mais sobre o assunto e aplicar suas técnicas nos negócios? Então, acompanhe o artigo!

Funil de vendas: o que é e como funciona 

Funil de vendas é um modelo estratégico que mostra a jornada de compras do cliente. Suas etapas e gatilhos justificam e orientam no suporte à jornada de compra realizada pelo cliente. Assim, por meio dele, se compreende o processo percorrido pelo cliente desde o primeiro contato com a marca até o fechamento da compra. Ou seja, é um processo feitos por etapas, assim como uma compra. 

Atração e descoberta

Também conhecida como ToFu (top of the funnel), o topo de funil trata-se da etapa inicial, onde se faz o aprendizado e descoberta de um problema que precisa ser resolvido. A ideia aqui é, quando a persona percebe que tem um problema, que seja despertada para a existência da empresa que tem a solução (no caso a sua). Assim, você precisará educá-lo com conteúdos ricos, que informem e também facilitem a vincular sua marca a solução, como infográficos e eBooks.

E é por meio destes materiais que exigem preenchimento de formulários que se passa para a outra etapa. No momento em que dados como nome, e-mail e profissão são fornecidos pelo visitante, ele se torna um Lead e avança no funil de vendas.

Reconhecimento do problema

Esta etapa também é conhecida como MoFu (middle of the funnel) ou meio do funil e busca apresentar alternativas para que o lead resolva as necessidades que ele ainda não tem muita certeza de quais são, mas sabe que existem e que precisam ser solucionadas.

Planilhas específicas ou até mesmo a compra de um software podem ser o que o lead precisa, mas, independentemente disso, sua função é ajudá-los com dicas e técnicas. Uma dica muito importante é: não queira vender uma solução a qualquer custo. Ao invés disso, priorize o amadurecimento e qualificação desse lead. Com os elementos certos, a tendência é que existam maiores chances de ele passe etapas, chegando no final do funil.

Consideração de solução

Sim, estamos quase lá. Nesta etapa, depois de identificar um problema e algumas possíveis soluções, o cliente começa a ponderar as opções existentes no mercado para tomar uma decisão. Assim, você já imagina o que fazer, não é mesmo?

É neste ponto que é essencial produzir e enviar conteúdos mais técnicos e objetivos para os leads, para que eles compreendam que há como solucionar o problema. A ideia aqui é passar para a etapa seguinte, aqueles que realmente são mais propensos, de forma a evitar perder um possível cliente por querer acelerar os processos.

Aqui eles são prospects e tendem a virar cliente, passando para a próxima etapa, se realizarem a compra, não é?! A questão a atentar, e aí vai uma dica, é: mostre-se atento ao seu possível cliente. Faça com que ele se sinta seguro com você. Que confie e saiba que você é alguém de confiança, para que ele efetue a compra e avance dentro desta jornada.

Decisão de compra

O tal BoFu (bottom of the funnel), como também é conhecido o fundo do funil, é o estágio onde os leads qualificados se tornam oportunidades. É aqui, afinal, que ocorre a decisão de compra. Ou seja, é aquela etapa onde estas personas estão prontas para serem abordadas pelo time de vendas da sua empresa. 

Na AO5, o time técnico realiza o planejamento estratégico de cada uma dessas etapas. Saber reconhecer o estágio em que se encontram os clientes é fundamental para a efetivação da venda. Por isso, busque por quem sabe o que está fazendo quando for executar os seus planos ou mesmo começar um planejamento do zero.