Início » BLOG #AO5 » LGPD no Brasil: como a nova lei de proteção de dados impacta no marketing da sua empresa?

LGPD no Brasil: como a nova lei de proteção de dados impacta no marketing da sua empresa?

Autor: Agência Orange Five | Publicado em: 04 de Maio 2020

Conhecida como Lei Geral de Proteção de Dados, a LGPD no marketing traz algumas mudanças importantes. Por meio desta resolução é exigido que haja mais segurança para as informações dos usuários, bem como o uso correto delas. Assim sendo, entenda melhor como funcionará este processo a seguir. Além disto, saiba de que maneira a nova lei vai impactar no marketing de sua empresa e na forma de captar leads e clientes em potencial.

Entendendo a LGPD no marketing

Para entender de que forma a esta lei vai impactar no marketing de sua empresa, é preciso ter em mente como ela funciona. Desta forma, preste atenção no seguinte:

  • A LGPD estabelece novas regras para a coleta de dados, armazenamento de dados pessoais e compartilhamento de informações em geral;
  • Desta forma, se a conduta de uma empresa não priorizar a privacidade e a segurança dos dados de um cliente, há o acarretamento de pesadas multas;
  • Além disto, outro aspecto importante é que há quatro divisões principais na lei. Ela se divide em titular, que cede os dados, controlador, que coleta as informações, operador, que processa os dados e encarregado, que controla e media os dados.

Com base neste panorama, é possível perceber que a prioridade está em garantir que os clientes possam usufruir de produtos e serviços sem ter sua privacidade invadida. Assim sendo, quando se trata da LGPD no marketing algumas considerações se fazem necessárias.

O que muda na prática com a aplicação da LGPD no Brasil?

Diante destas resoluções, a LGPD no marketing exigirá uma readequação de estratégias por parte de sua empresa na hora de captar leads. Assim sendo, será preciso rever alguns pontos da coleta de dados, tais como:

  • Aumentar a transparência em suas ações para obter as informações de leads e clientes, priorizando sempre o consentimento;
  • Investir em recursos como pesquisas de opinião, além de formulários e autorizações que permitam o recolhimento e a utilização de dados, independentemente de algoritmos;
  • Priorizar ainda mais o marketing de conteúdo, de forma que as informações recebidas pelo público suscite seu interesse e os estimule a fornecer seus dados.

Outra estratégia que pode ser implementada com sucesso é o uso de e-mail marketing, aliada a newsletters que agreguem na vida do público consumidor.

É possível aproveitar o LGPD no marketing?

Por mais complicado que pareça, esta lei pode trazer benefícios no que diz respeito a readequar a estratégia de marketing de sua empresa. Para que isto seja possível, tenha consciência de que:

  • Novas estratégias como anúncios segmentados e remarketing, que privilegie os clientes que já tem contato com você podem renovar a sua empresa;
  • Esta também é uma oportunidade de investir no uso de redes sociais, promovendo seus produtos e serviços de forma indireta e sólida;
  • Renovar a forma como se pensa no inbound e outbound marketing podem determinar estratégias mais personalizadas e eficientes para sua empresa;
  • A adequação de sua empresa dentro da lei, criará uma imagem mais forte e trará mais confiança tanto para seus leads quando para clientes em potencial.

É claro que, assim como tudo, a fase inicial de adaptação com relação a lei pode ser trabalhosa para sua empresa. No entanto, depois de fazer estes ajustes na questão do marketing haverá muitos benefícios para os seus negócios.

Fique de olho em detalhes importantes

Também é importante ter em mente que com a nova lei, a pessoa ganha mais controle sobre as suas informações. Isto implica em alguns efeitos como:

  • O direito do cliente ter seus dados removidos de qualquer tipo de cadastro de uma empresa, se assim desejar;
  • O empreendimento deve prestar todas as informações e esclarecimentos de maneira clara sobre o acesso a dados do consumidor, em um prazo de até 15 dias;
  • Também será preciso comprovar a aplicação das leis por parte das empresas, por meio da elaboração do chamado Relatório de Impacto de Proteção de Dados.

Leve em consideração todos os dados e informações que a sua empresa tem, para se adequar corretamente a estas mudanças. Isto evitará grandes problemas para seu negócio.

De olho em um futuro melhor e mais promissor

Algo que deve ficar claro com relação a LGPD no marketing, é o fato de que a intenção é trazer mais conforto e comodidade para os clientes. Por isto é preciso avaliar os resultados finais com relação a estas mudanças, tanto para os consumidores quanto para as empresas. Não deixe de seguir estas dicas para seu empreendimento.

Diante destas informações, é preciso que você comece a readequar seu negócio e suas estratégias de marketing o quanto antes. A política de privacidade é um assunto que deve ganhar cada vez mais força, e por isto deve ser levado a sério. Aceitar estas mudanças e incorpora-las da melhor forma possível em seu empreendimento, trará um futuro melhor e mais promissor para todos que nele trabalham ou que são seus clientes.